Quando você deixa de existir porque não pesa 50kg

Quando você deixa de existir porque não pesa 50kg

Seguia a minha rotina de analisar as revistas que chegam na biblioteca do meu trabalho. Uma, em especial, me chamou atenção. Entre todas as publicações de Direito, de Política e as específicas de orientações ao consumo, havia uma com um título simples: “Saúde”. Achei interessante. Geralmente essas revistas se chamam Saúde e Beleza, ou Beleza Saudável. Ou qualquer besteirol que diga sutilmente “você só é saudável se estiver no padrão vigente de peso”.

Abri a revista e fui folheando. Algumas coisas sobre leguminosas e suas vantagens pro funcionamento do intestino, algumas coisas sobre as vitaminas que se encontram na casca das frutas, algumas coisas sobre o excesso de sódio que traz malefícios ao funcionamento dos rins. De repente, essa imagem me saltou aos olhos.

Em destaque, a moça magra, seios fartos, cabelos alisados. E os dizeres “Acumule elogios e não gordura”. Acho que voltei no mínimo umas quinhentas vezes para reler a frase. Queria me convencer, inconscientemente que não estava sendo sugestionada por uma publicidade de remédios para emagrecimento, inserida em uma revista sobre saúde, que mulheres gordas não são passíveis de elogios.

Mas sim, está aí, vocês podem ver com seus próprios olhos. Estão disfarçando, sobre o pretexto de que é saudável, um velho conceito, um estigma que não passa de uma construção social torpe: estão te dizendo que se você não é assim, quase uma boneca recém saída da fábrica, você não serve pra nada. Você não agrada a ninguém.

Além da questão do peso, colocada como centralizadora pra sua boa vivência entre os seus pares e com o seu próprio espelho, me chamou a atenção a forma como “elogios” são pontuados. Além de não existirem elogios referentes à beleza de mulheres de outros biotipos, não existem elogios dirigidos à mulheres que não sejam sobre a aparência das mesmas. É como ler “Você está acima do peso que te dizem ser o ideal? Tome remédios querida, ou você não agradará ninguém de nenhuma forma, e visto que seu único papel é agradar os olhos alheios, emagreça agora!”.

Voltando à questão da saúde, deixo a pergunta pra vocês, amigxs: as fixações e traumas causados pela busca desenfreada desse padrão imposto, não são questões de saúde pública? Eu creio que sim.

Encerro dizendo que uma publicação que pretende dissertar sobre hábitos saudáveis, não deveria incluir em seu conteúdo uma besteira estapafúrdia que afirma que todas as mulheres devem ser magérrimas para serem desejadas e queridas. Tampouco, deveria incitar o uso de remédio sem prescrição médica para que essa meta tacanha seja atingida.

Repito o que já disse aqui: o machismo mata. A busca pelo corpo ideal é só mais uma das formas pelas quais esse caráter assassino e brutal se manifesta. Somos mulheres, não pedaços de carne. Somos reais, somos vivas, somos diferentes. E temos o direito de sermos. Em tempo: somos lindas, por mais que para efeitos de mercado não nos digam.

Meus parabéns e um viva para todas as mulheres, sobretudo as reais.

Anúncios
Com as etiquetas , , ,

One thought on “Quando você deixa de existir porque não pesa 50kg

  1. Paula Campos diz:

    Sim, somos lindas do jeito que nascemos. Infelizmente a nossa sociedade incute idéias de padrões de beleza intangíveis as mulheres. Mesmo porque, nem todas querem ser as barbies que os machistas desejam. Nascemos lindas sim, porque somos livres para escolher aquilo que nos é mais necessário. Ah! se quero ser magra, eu desejo ser magra. Se quero pintar meu cabelo, eu pinto meu cabelo. Não é a pressão externa que influenciara os meus desejos. Minha personalidade é integra ao meu querer. Amélia a mulher de verdade já à tempo não existe mais. Sou verdadeira! Prefiro acumular elogios pela minha personalidade e inlectualidade. A parte fisiologica, deixa que eu cuido.
    Só esqueceram de mencionar que o tempo é implacável.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: